Ten Lee fala de Arte, Dança e Sua Nova Coleção de Roupas da Represent.

Ten with his cat in a Represent hoodie
“Então qual é a resposta certa para mim? O que tenho que fazer para ser realmente a pessoa que quero ser? Mas então eu percebi que não há certo ou errado”.

Há alguns dias, o músico e dançarino Ten Lee — conhecido por seu trabalho em grupos de K-pop como NCT e SuperM e o grupo chinês WayV — compartilhou um vídeo de si mesmo, mergulhando em uma piscina profunda. Enquanto Billie Eilish cantarola a abertura de “idontwannabeyouanymore”, ele se lança em uma cambalhota antes de mergulhar facilmente de costas, pernas balançando, braços esticados, uma sereia abraçando águas abertas.

O motivo do mergulho é um pouco secreto, ele conta à Teen Vogue, mas não necessariamente relacionado às próximas música dos grupos em que ele está. Ao contrário, é uma forma dele seguir seus próprios instintos artísticos. Se ele parece estar dançando debaixo d’água, é porque ele está, trazendo à vida uma imagem de um movimento de dança que antes só existia em sua cabeça. “Tenho todos estes pensamentos no meu cérebro agora”, diz ele, “mas eu tinha que torná-los reais”.

Embora ele flutue perfeitamente em diferentes combinações de performances no palco, seja como parte de um WayV sensual ou do caótico NCT ou do maximalista SuperM, Ten tem uma fluidez e espírito próprios — especialmente na dança, onde ele prospera. Nascido Chittaphon Leechaiyapornkul em Bangkok, Tailândia, ele entrou para a SM Entertainment em 2013, debutando como parte do NCT U em 2016. Uma reviravolta veio em 2017 quando ele lançou seu primeiro single solo “Dream in a Dream”, uma ballad encantadora e imaginativa que funde os instrumentos tradicionais do Leste Asiático com pop de ambiente cintilante, e tem uma coreografia hipnotizante para combinar. Foi a primeira vez que ele conversou com os coreógrafos com quem trabalhou e compartilhou suas ideias sobre o que ele queria tentar. “Eu entendi porque todos os hyungs às vezes gostam de fazer suas próprias coisas”, diz ele. “É porque você está colocando suas ideias em seu próprio trabalho”.

Agora, ele está à beira de outra mudança: no início deste mês, ele lançou uma coleção de roupas com a Represent que inclui todos os seus desenhos originais. Os fãs de longa data do Ten saberão que ele gosta de arte visual, compartilhando esboços reais de seus gatos Leon e Louis e desenhos emotivos e detalhados em seu Instagram. (Curiosidade: ele brincou com a ideia de desenhar roupas para gatos, mas estava preocupado com a forma como os gatos se limpariam). A nova coleção mostra sua habilidade, é claro, mas é também uma representação de seu espírito criativo e de quem ele quer ser como pessoa.

Intitulado: “O que são ??? AS RESPOSTAS”, os desenhos são explosivos e brilhantes, com símbolos e metáforas abundantes. Ele desenha vários olhos, entranhados pela maneira como mostram felicidade, vergonha, medo, as coisas que as pessoas tentam esconder. Em um desenho, ele usa uma cruz, que tem um duplo significado: é o carácter chinês para o número “10” e também um sinal de mais, representando o crescimento e o potencial que ele vê em si mesmo.

Ten in long sleeve t-shirt with cross on the back

Ten há muito tempo queria criar uma marca de roupas e quando a Represent se aproximou, ele viu uma oportunidade de experimentar algo por conta própria. Quando criança, em Bangkok, ele teve aulas de arte a pedido de sua mãe, que acreditava que estudar arte o ajudaria a aumentar seu QI e melhorar sua educação como um todo. Ele não gostava muito na época, até que fez o exame IGCSE de Cambridge e teve um bom desempenho no teste, adivinhe, de arte. “Eu estava tipo, ‘Ok, eu gosto de arte'”, Ten ri. “Depois eu comecei a desenhar e a tentar desenvolver meu próprio estilo”. Agora, ele passa a desenhar quando está sentindo “energia negativa”, como “quando você está desanimado ou quando você se sente triste ou quando você sente que não é bom o suficiente para algo”. O desenho é uma fonte de consolo, e também o ajuda a se concentrar e encontrar clareza em questões mais existenciais.

No Instagram, ele escreveu sobre a coleção: “O que me inspira a criar estas peças de arte é lembrar a mim mesmo que não há respostas reais no que fazemos. Sinto que estamos criando regras e nos pressionamos com a palavra “padrões”. Quem define as normas do que é aceitável ou não + o que é certo ou não + o que é suficiente ou não??? Os limites que traçamos podem nos limitar a criar algo que nunca soubemos ser capaz de fazer”.

Image may contain: Plant, Grass, Lawn, Clothing, Apparel, Human, Person, and Gō Ayano

Ten in white long sleeve t-shirt

Quando ele expande essa expressão artística do Instagram, é com um visual interessante. “As pessoas tentam fazer linhas em você”, diz ele. Ele lembra de algo como o Homem Vitruviano de Leonardo da Vinci, uma representação de proporções perfeitas e segmentos limpos e marcados. Uma imagem idealizada que quase nunca existe.

“Eu estava pensando nas minhas próprias coisas, nas coisas que tenho que fazer para conseguir o que quero, como meus objetivos. E o que as pessoas me disseram, talvez sobre [minha] aparência ou sobre as habilidades que eu tenho, ou sobre minha personalidade, e me disseram para mudar isto, fazer aquilo. Eu percebi que eles estão apenas fazendo suas próprias linhas sobre mim. Então, qual é a resposta certa para mim? O que eu tenho que fazer para ser realmente a pessoa que eu quero ser? Mas então percebi que não há certo ou errado”.

Ele conecta seu desenho à sua dança em uma palavra: liberdade. Ambos permitem que ele se perca no momento de criar algo real e pessoal. Mas na arte, não importa tanto encontrar a resposta certa, ou unir-se perfeitamente com outras pessoas da maneira que uma dança altamente coreografada requer.

“A arte é mais um prazer individual”, diz ele. “Se Mark [Lee, seu companheiro de grupo] estiver ao meu lado, e eu disser: ‘Ei Mark, você acha que a roupa é legal? Ele pode dizer que não, mas para mim foi: ‘Uau, essa roupa é tão bonita'”.

Ten pode estar focado na expressão artística individual no momento, mas isso não significa que esse seja seu único foco. Ele também anseia pelo dia em que o SuperM possa se reunir depois que os membros Baekhyun e Taemin retornarem de seu serviço militar. “Vou lutar por isso”, diz ele. “Nós nos divertimos tanto fazendo uma turnê e depois trabalhando com todos os hyungs. Espero que haja um novo projeto para o SuperM trabalhar quando todos estiverem de volta”.

Teen Vogue

Tradução e adptação por Ten Brazil

Categorias: Uncategorized


Sobre o Portal

Nome: Ten Brazil
Url: tenbrazil.com/
Status Ativo
Visitas:
Host: Host: Flaunt Network | DMCA | Privacy Policy

 

Somos um fã site não-oficial e sem fins lucrativos. Tais notícias, traduções, vídeos e imagens pertence ao site, a não ser que seja informado o contrário. Nós não reivindicamos direito de nenhuma foto em nossa galeria. As imagens pertencem aos seus respectivos donos e estão sendo usadas de acordo com a lei americana de Fair Use §107.